Mandalas e as cores – O Azul

3162 4

Ninguém duvida que as cores exerçam uma influência específica, cada uma do seu modo, nas pessoas, nos animais e até mesmo nas plantas.

Existem estudiosos que admitem uma espécie de campo vibratório emitido por cada uma das cores e suas tonalidades. Esse campo determinaria a sua influência através da modificação do padrão vibratório molecular do campo energético do ser vivo. Isso explicaria o fato de a cor influenciar e modificar até pessoas com olhos vendados, sem contato visual com o padrão colorido. Os animais e as plantas estariam na mesma situação.

A seguir citações das influências da cor Azul pelo Dr. Márcio Bontempo em seu livro Medicina Natural:

AZUL

O azul é uma cor suave, que produz calma, tranqüilidade, ternura, afetuosidade, paz e segurança. Ela favorece as atividades intelectuais e a meditação. É uma cor passiva, concêntrica, perceptiva, sensível, incorporativa e unificadora.

A contemplação do azul determina profundidade, sentimento de penetração no infinito, sensação de leveza e contentamento. É a cor preferida das pessoas calmas, seguras, equilibradas e leais. Estimula na personalidade a doçura, a parcimônia, a sensatez e a ternura. É a cor da compaixão e também uma cor feminina, da paz de espírito, da ética, da integridade e da confiança.

Favorece a criação e a manutenção de um clima ou ambiente calmo e organizado em residências ou locais de trabalho, quando presente em paredes, cortinas, luminárias, etc. Daí ser conveniente pintar as paredes de azul em locais sujeitos a muita tensão, atritos e desavenças.

Num sentido mais profundo, é a cor da nossa identificação com o planeta, que visto do espaço é de um azul indescritível. Em suas tonalidades mais escuras, o azul é relacionado ao infinito profundo e à eternidade; em seus tons mais claros, ao êxtase místico. Quando existe aversão a esta cor ou mesmo medo do azul índigo profundo, isso pode significar confusão e instabilidade psicomental, inquietação, ansiedade, inconstância, orgulho e rebeldia, além da necessidade insatisfeita de realização emocional.

Efeitos orgânicos

Redução do pulso, redução leve da freqüência cardíaca, diminuição do ritmo respiratório, redução da pressão sanguinea, inibição da descarga de adrenalina, efeito hipnótico no sistema nervoso central. Com a redução dos ritmos cardio-circulatórios, respiratórios e nervosos, o organismo tende a recarregar-se energeticamente.


Indicações

Nos casos de estresse, estafa, convalescença, pressão alta, obesidade, taquicardia, palpitação, nervosismo, insônia, ira, irritabilidade, temperamento agressivo, ciúme, medo, insegurança, ansiedade, alcoolismo, convulsões, esgotamento nervoso, agitação psicomotora e neuroses.

Contra-indicações

O azul não possui contra-indicações dignas de destaque. Existe uma certa contra-indicação em casos de coma, de esturpor, de medos muito acentuados ou fobias.

Galeria com Mandalas:

Tags: